ARTIGOS

Kakigori: A Raspadinha Japonesa

O verão japonês é conhecido por ser uma estação muito úmida e com altas temperaturas, por isso não é surpresa que uma das sobremesas mais populares desta época do ano seja uma raspadinha de gelo coberta com caldas e xaropes, chamada kakigori (かき氷). As possibilidades de sabor são infinitas, sendo as principais de frutas, como morango, cereja e limão. Entretanto, ingredientes tipicamente japoneses como matchá (chá verde), kinako (farinha doce de soja moída e torrada) e anko (pasta doce de feijão azuki) também são muito utilizados.

Sua origem é antiga e remonta ao período Heian, no séc. XI, quando a sobremesa era feita de gelo natural formado nas montanhas durante o inverno e armazenado até ser consumido, o que a tornava muito cara. Por esse motivo, era um luxo destinado apenas à nobreza da época. No período Meiji (1868-1912), o empresário Kahe Nakagawa conseguiu levar gelo do norte do Japão para Yokohama, região central do país e a sobremesa tornou-se mais acessível.

A invenção da máquina de raspar gelo, durante o período Showa (1926-1989), tornou o kakigori a sobremesa mais apreciada do verão japonês, popularidade que, inclusive, se mantém até hoje.

No Brasil, conhecemos esta sobremesa como raspadinha - que, geralmente, é servida com xarope de groselha ou leite condensado. Ela foi servida no Sotodoma, jardim externo da Japan House São Paulo, durante a edição de 2018 do evento Paulista Cultural.

Quer experimentar? Bata algumas pedrinhas de gelo no liquidificador até ficarem trituradas e misture com frutas e caldas de sua preferência.

Voltar ao topo