Vista aérea de costa banhada por mar azul escuro.

Artigos

Surf, Rafting e Remo nas Províncias Japonesas

Presentes na maior competição do planeta, esses esportes podem ser praticados em diversos cenários no Japão

Compartilhe

O território japonês possui mares, rios e lagos perfeitos para a prática esportiva

Dos 55 eventos programados para Tokyo 2020, alguns se destacaram pela relação direta com a natureza, como Surf, Rafting e Remo.

Conheça um pouco mais sobre alguns dos esportes presentes no maior evento esportivo do planeta:

Banner informativo: Surf, rafting e remo nas províncias japonesas. À direita, vista aérea de costa banhada por mar azul escuro.

Surf no Japão

O arquipélago japonês é cercado pelo mar e repleto de ótimos locais para surfar. Os surfistas falam muito sobre como o esporte permite se sentir unido ao vento, às ondas e à natureza.

O surf foi uma das modalidades estreantes nos Jogos de Tokyo 2020. Isso encantou os entusiastas do surf de todo o país, que esperam que a inclusão promova ainda mais a cultura do surf. Eles também esperam que o surf inspire as pessoas a valorizar o ambiente natural e preservá-lo para as gerações futuras.

Onde praticar?

Sotobo, Província de Chiba

Praia Kujukuri
Praia Kujukuri

A área de Sotobo, com fortes ondas vindo do mar aberto, está localizada no lado pacífico da Península de Boso (na província de Chiba), a duas horas de carro do centro de Tóquio, e que se tornou adequada para a prática de surf.

Já ao longo da costa de Chiba (com 66 quilômetros), encontra-se a Praia Kujukuri, a maior faixa de areia do litoral japonês, também ideal para a prática do surf, tanto para surfistas intermediários como avançados.

Outras opções são a Praia Tsurigasaki (também conhecida como Praia Shidashita, em Ichinomiya), selecionada para sediar as competições de surf de Tokyo 2020; e a área de Minamiboso, com um clima ameno e águas relativamente quentes, bastante popular no inverno.

Em Minamiboso, Chikura e Heisaura são particularmente ótimas para iniciantes, com praias rasas, pontos turísticos e muitos restaurantes nas proximidades.

Miyazaki, Província de Kyushu

Vista aérea de costa banhada por mar azul escuro.
Miyazaki

Miyazaki está localizada no extremo sul do arquipélago japonês. É um local onde é possível surfar mesmo no inverno, graças às longas horas de sol e a Corrente Kuroshio que vem do sul. A linha costeira da Prefeitura de Miyazaki se estende por cerca de 400 km de norte a sul, e sua popularidade rivaliza com a Província de Chiba, local das competições de surf de Tokyo 2020.

A praia de Kisakihama é um dos principais pontos de surf em Miyazaki. Localizada a apenas 10 minutos do Aeroporto de Miyazaki, a praia sediou as rodadas de qualificação nas competições dos jogos olímpicos e possui 2 km de extensão, dividida em três seções: Longboarding ao sul, shortboarding no centro e SUP no Norte.

Mais ao sul está Aoshima, um local com exuberantes palmeiras e cenários tropicais - as ondas calmas são perfeitas para novatos.

Localizado na parte norte da prefeitura está Okuragahama Beach, uma praia de 4 km de comprimento conhecida por suas ondas suaves e ideais para iniciantes. Já a praia de Kanegahama, localizada ao sul de Okuragahama, é recomendada para surfistas intermediários a avançados por suas ondas relativamente grandes.

Mudando de esporte, mas permanecendo na água…

 

Rafting e Remo no Japão

Onde praticar?

Minakami, Província de Gunma

Minakami, Província de Gunma
Corredeiras de Minakami

Na área de Minakami, há as melhores corredeiras do Japão. De abril a junho, quando o volume da água aumenta devido à neve derretida, é possível diminuir a velocidade em corredeiras classificadas como grau 4 na International Scale of River Difficulty. No verão e no início do outono, o rio fica mais calmo e é possível desfrutar de vistas deslumbrantes do vale enquanto acontece a prática de rafting.

A região usufrui também de águas termais históricas de Ikaho e Kusatsu e do Parque Nacional de Oze, além de outras experiências como: a fábrica mais antiga de seda do Japão, a “Tomioka Silk Mill” (patrimônio mundial da Unesco), o boneco da sorte (Daruma) e a verdadeira locomotiva a vapor, que estão em Takasaki.

Rio Shinano, Província de Niigata

Rio Shinano, Província de Niigata
Rio Shinano

O Rio Shinano abrange um total de 367 km, tornando-se o maior rio do Japão. O rio tem origem no Monte Kobushi com 2.475 metros de altura e flui através da Planície de Echigo antes de desaguar no Mar do Japão, na cidade de Niigata.

Os locais de rafting estão localizados no curso médio do Rio Shinano, principalmente na cidade de Tokamachi, parte sul da Província de Niigata. O curso apresenta muita água, com inclinações íngremes e corredeiras emocionantes combinadas com correntes lentas e piscinas suaves.

Rio Shinano, Província de Niigata
Rio Shinano, vista noturna

Na Província de Niigata também é possível apreciar os campos de arroz coloridos, os parques temáticos com máquinas de saquê, o Festival de Fogos de artifício de Nagaoka e o Festival das Cerejeiras em Takada.

 

Leia também:

Caiaque e Canoagem nas Províncias Japonesas

Confira a nova exposição da JHSP:

'Lounge Esportivo: Tokyo 2020'

Voltar ao topo