News

Dia Nacional do Crisântemo

Flor típica do outono japonês, que acontece entre setembro e dezembro, o crisântemo (kiku) é considerado o selo oficial da Família Imperial Japonesa, sempre representado na cor dourada ou amarela e com 16 pétalas. Simbolicamente, também é conhecido como uma das flores nacionais do Japão, por sua forte presença e história no país. Acredita-se que essa planta seja cultivada no arquipélago desde o período Heian (794 - 1185), sendo originária da China. Apesar de sua origem, outras espécies surgiram ao longo do tempo, sendo já nativas japonesas, como é o caso da Chrysanthemum indicum.

Anualmente, no nono dia do nono mês, ou seja, no dia 09 de setembro, é celebrado o Choyo no Sekku (重陽の節句), também chamado Kiku no Sekku (菊の節句), o Dia Nacional do Crisântemo. Sekku é o termo que designa as cerimônias sazonais tradicionalmente realizadas na Corte Imperial japonesa. Sempre realizadas em datas ímpares (07/01, 03/03, 05/05, 07/07 e 09/09), seguem a crença de que esses números carregam uma força negativa. Assim, para se combater o perigo, criaram-se festividades. O número 9, por sua vez, seria o mais potente dentre esses algarismos e quando duplicado (choyo) tornaria-se ainda mais impetuoso. Nesse dia, então, para afastar os maus espíritos serviria-se uma bebida fermentada, um sakê em que as folhas do crisântemo eram acrescentadas.

Hoje, a relação com a flor permanece, sendo organizados eventos por todo o arquipélago destinados à exibição e contemplação do crisântemo. Nesse período também são expostos em castelos e templos os famosos Kiku-Ningyo, bonecos de aparência realista cujas vestimentas são feitas a partir da própria flor de crisântemo.

Voltar ao topo